Marcelo Katsuki

Comes e Bebes

 -

Formado em arquitetura pela FAU-USP, Marcelo Katsuki é cozinheiro formado pela Escola de Gastronomia João Dória Jr e sommelier pela ABS (Associação Brasileira de Sommeliers).

Perfil completo

Publicidade
Publicidade

A carne não é fraca

Por Marcelo Katsuki

Que tal trocar um jantar capitaneado por Claude Troisgros e Roberta Sudbrack por uma costela do Boi na Brasa? Foi o que aconteceu comigo nessa semana –depois de ficar preso no trabalho até tarde– mas confesso que nem achei assim tão ruim. Aliás, foi ótimo: tomei uma caipirinha de pinga na chegada e passei o resto da noite falando sozinho. Ô, coitado!

 

Em tempos de bifes a 70 reais nas boas casas do ramo, pagar 33 pratas por um bistecão desses com farofa especial é quase uma dádiva. No meu caso, redentor. Assim como o Samurai, o Boi na Brasa é um dos meus refúgios favoritos para aquela ‘boquinha’ na calada da noite –e nesse dia eu tinha me preparado para devorar um dragão, rs!

Depois do pão com manteiga aviação e da saladinha de tomate (que sempre peço no lugar daquele vinagrete de cebola), mal consegui comer metade do bifão. Resultado: pedi para embrulhar para levar pro cachorro, que adora comer com pão no café da manhã. Auuuuu!

Boi na Brasamapinha aqui
R. Marquês de Itú, 139 – Vila Buarque – Centro. Telefone: 0/xx/11/3223-6162

Blogs da Folha