Marcelo Katsuki

Comes e Bebes

 -

Formado em arquitetura pela FAU-USP, Marcelo Katsuki é cozinheiro formado pela Escola de Gastronomia João Dória Jr e sommelier pela ABS (Associação Brasileira de Sommeliers).

Perfil completo

Publicidade

#farofa de socialite

Por Marcelo Katsuki

Farofa de Neston: parece uma granola e se desmancha na boca

Down no high society – Mais da série #farofa. Outra que eu adoro é a Farofa de Neston da Carmen Mayrink Veiga. Mas não dá pra comer sempre, porque para cada xícara de Neston, vai meia barra de manteiga. Outros tempos, fia…

 

 

Siga a receita da Carmen ou use 50 gramas de manteiga queimada (metade da quantidade indicada) para cada xícara de Neston que também dá certo. Mas daí tem que controlar bem o fogo, tirar a frigideira da boca da chama quando começar a queimar nas bordas, ir mexendo sem parar em fogo baixinho até tostar, mas sem amargar. E corrigir o sal.

Veja também a receita da Farofa de PTS, veggie mas com gosto de toucinho!

 

Reprodução: Carmen em tela de Portinari e no lançamento do livro ao lado da filha.

 O livro, fora de catálogo, foi lançado em 97 e é ótimo para relaxar. Como num glossário –bom, é o ABC de Carmen– a socialite vai destilando: “Álcool: para mim, só para limpar espelho e vidraça, ou desinfetar”. Outro: “Brega: é o contrário de elegância. Um exemplo: pôr castiçal em mesa de almoço”. Kkkkk!

E se hoje o último grito gastronômico é essa ‘tendença’ de colocar farofa em cima do macarrão e até do risoto para dar aquele ‘crash de texturas’, saiba que o povão e as ricas já se entopem de farofa faz tempo. Classe média sofre.

Blogs da Folha