Marcelo Katsuki

Comes e Bebes

 -

Formado em arquitetura pela FAU-USP, Marcelo Katsuki é cozinheiro formado pela Escola de Gastronomia João Dória Jr e sommelier pela ABS (Associação Brasileira de Sommeliers).

Perfil completo

Publicidade

Revelando o interior de SP

Por Marcelo Katsuki

Conhece o João Deitado? Broa de milho com recheio de goiabada assada em folha de bananeira. Clique aqui para ver a receita.

Se o domingo foi dia de O Mercado com chefs badalados e tal, sábado foi dia de viajar pelo interior paulista. O evento Revelando São Paulo levou um pouco da cultura tradicional paulista para o Parque Vila Guilherme – zona norte da cidade.

Teve artesanado, shows, reisados, músicas e comidas de todas as regiões do Estado. Se liga.

Praça de alimentação, sob a sombra das árvores do parque. Quem não curte?

 

O programa não era de índio, mas eles estavam lá mostrando a sua cultura.

 

Alambique caseiro mostrando a produção da marvada.

 

Marvadas envelhecidas e com sabores variados da dona Neide.

 

Cortina de linguiça é tendença no décor caipira.

 

Quem chegou cedo tomou café no fogão à lenha com broa, bolo de mandioca e bolinho de chuva

 

Quem dormiu até tarde já encontrou o fogão lotado de torresmo, mandioca frita, feijão tropeiro…

 

Olha a fila da Galinhada São Longuinho!

 

A galinhada era preparada em vários tachos ao mesmo tempo, para dar conta dos pedidos

 

Olha lá outra cortina de linguiiiça!

 

Comprei uma farinha de mandioca incrível nessa Casa da Farinha de Jacupiranga. O dono falou para eu botar numa lata e deixar bem tampada que dura um ano. Será?

 

Pra quem não curte muvuca, áreas de descanso

 

Onde aconteceram apresentações musicais e reisados nas áreas das capelas

 

Tenso esse megahair, mas já tô sabendo que é pecado trollar Jesus.

 

Apresentações musicais no palco principal com muita música regional

 

E esse artesanato incrível reconstituindo as vilas do interior

 

Pra quem curte um orgânico, muitas verduras e hortaliças fresquinhas

 

Havia uma feira para venda de frutas e legumes também

 

Nos estandes indígenas, artesanato e flores

 

A praça de alimentação principal é assustadoramente grande e é um desafio conseguir provar todas as comidas da festa. Aliás, impossível até pra draga aqui.

 

Tinha vinho…

 

Pururuca frita na hora…

 

Buraco quente de Mairiporã

 

E o famoso Rojão de carne de porco de Ribeirão Grande.

 

Risotão caipira.

 

Peixes assados na brasa e servidos com molho, arroz e farinha

 

A curiosa moqueca caiçara, assada na folha de bananeira.

 

Outra vista da gigantesca praça de alimentação. Curtiu? Pena que acabou, agora só no ano que vem

Leia mais sobre o Revelando São Paulo clicando aqui.

Blogs da Folha