Almoço no Theatro Municipal

Atravessamos o centro novo para almoçar no Café do Theatro Municipal no dia mais quente do ano, mas valeu a pena. O restaurante, com entrada pelo lado direito do teatro, serve café da manhã à la carte mas é famoso pelo bufê do almoço (R$ 40). E lá dentro é fresquinho, arejado, pé direito enorme, uma beleza!

 

O bufê fica localizado num canto do salão. Nas travessas, saladas variadas com muitas folhas e alguns itens como o rolinho primavera de manga com pimenta, palmito pupunha e uma terrine de ricota bem temperada com calda de kinkan de babar.

 

Na parte quente, bife à milanesa, batatinha frita, arroz chaufa com camarões, suflê, frango ensopado com geleia de tomate, linguado e claro, arroz e feijão. O bufê ficou a cargo da chef Sandra Valéria Silva do Bistrô da Sara.

 

Mas a gente foi até lá para comer os pratos à la carte, apenas três, mas bem servidos, gostosos e um pouco mais baratos que o bufê. Repare na fartura desse Medalhão de filé ao molho de mostarda e mel, arroz ao funghi e tomates frescos (R$ 30).

 

Para quem come pouco como eu, a dica é o Risoto de arroz negro, linguado em crosta de limão e pimenta e salada com banana e castanhas (R$ 32). Não que a porção seja pequena, pois é bem servida, mas o linguado é assado e vem com uma crosta leve e refrescante de limão. Uma delícia que não pesa.

 

Pausa para apreciar a arquitetura. Eu adoro esse espelho multifacetado do bar, os detalhes das colunas, o piso hidráulico com desenhos em azul. É inspirador.

 

De sobremesa, só vi passando Taças Santas (R$ 11) pra lá e pra cá. Era iogurte batido com caldas de amora e maracujá, mas o garçom indicou a Torta de maçã cremosa com chantilly (R$ 11), uma torta diferente e eu acatei. A base bem crocante de biscoitos recebe as maçãs assadas e sobre elas uma densa camada de creme, bem coisa de vó. Muito gostosa, mas dá para ouvir a Sinfonia da Sílfide Gorda ecoando pelos corredores do Municipal.

 

Pros menos pecadores, Brigadeiro de colher (R$ 6). Ou brigadeiro de pá, como me disse o Thiago, pelo tamanho do doce. É muito chocolate!

 

Detalhe da pintura do teto

O Café funciona de segunda a sábado, no café da manhã e no almoço. Às vezes lota, mas olha que style essa sala de espera! Há peças meio brutalistas criadas pelos irmãos Campana que combinam perfeitamente com o estilo clássico do teatro. Para Falstaff nenhum botar defeito.

 

Café do Theatro Municipalmapinha aqui
Pça. Ramos de Azevedo, s/nº – Centro – Tel.: 0/xx/11/3331-1874

Comentários

  1. E bota calor nisso! Aqui no RJ também estamos torrando…rs! Mas, com esse pé direito e esse menu, é só comer, engordar e pensar em arte [arte de comer bem, claro!]!
    Abraço, Marcelo.
    p.s.: e, por favor, sem culpa!

  2. Otima dica, Marcelo! Fiquei animada em conhecer o restaurante do teatro; assim como vc eu tb nao sou de comer muito… Rsrsrs

  3. Já sei onde almoçar amanhã! Se eu tivesse lido o post hoje cedo, iria hoje mesmo.

    Valeu pela dia, Marcelo.
    Abraços,
    – Alexandre

  4. Boa noite,
    Suas dicas são sempre perfeitas. Mas… no Municipal há alguma opção à la carte para vegetarianos??? (No bufê, há pratos quentes sem carne???)

    1. Eduardo, os três pratos à la carte são com carne, mas o bufê nesse dia tinha algumas opções vegetarianas, além das saladas, como a terrine de ricota com kinkan, o souflê de queijo com escarola, três tipos de legumes grelhados e um nhoque ao pesto. Além do arroz e feijão.

  5. ai que lindo! Adoro o Municipal, estava em reforma quando eu trabalhava por ai, depois nao tive mais oportunidade de ver por dentro, agora vi..e que maravilha ter um cafe da manha ai numa manha de sabado!! com certeza nao vou deixar de ir quando voltar..Obrigada Katz pela dica especial..

    1. Tb tô doido para tomar café da manhã lá num sábado. E depois passear pelo centrão!

    2. Vale a pena, viu, Lila. Se der, faça reserva pelo telefone para garantir uma mesa, se estiver lotado. Abs!

  6. Eu nem suspeitava da existência desse Café do Theatro Municipal. Na minha próxima visita à capital paulista, está agendada uma visita.

  7. Obrigada pela dica…irei na 2a feira sem falta,……………..delicia….

  8. Katsuki, segui a sua dica hoje e pedi um risoto de arroz negro com linguado. Maravilhoso!

    1. Que bom que curtiu! Bom e leve, né? Daí cabe uma sobremesa, rs. Abs!

  9. Ola Mrcelo!

    Que bom que você gostou do “Café do Theatro”.

    Obrigado pelo carinho e, fica aqui o nosso convite para conhecer o nosso porão (com mais de 70 anos) “Bistro da Sara” no Bom Retiro.

    Abs.
    Sandra Valéria

    1. eu conheço oo porao….desde que era o buraco da sara…com comida idish.

  10. Waaao~!!!

    ADOREI~♥
    Parabéns pela matéria, Katsuki san!!!!
    E, muito prazer, sou Akemi Matsuda, embaixadora Kawaii do Brasil.
    (Sou representante da moda LOLITA e fui escolhida oficialmente do JAPÃO!)

    No caso, queria uma dica sua….
    O cafe do teatro, tem como reservar para um Meeting de Lolita???

    Vc pode me ajudar para saber sobre isso???

    Muito obrigada pela atenção e parabéns mais uma vez!!!!

    1. Akemi, obrigado pelo comentário. Acho indicado você consultar o atendimento do Café para saber do seu evento.
      Tel.: 0/xx/11/3331-1874

      abs!

Comments are closed.