Roccia – alta gastronomia na Paraíba

Bolinho de feijão verde com carne de sol e vinagrete do Menu do Sertão

Vivi dois dias intensos na Paraíba: visitei o Mercado Central, almocei na praia de Tambaba, visitei o centro histórico e até nadei em Areia Vermelha –com direito ao Bolero de Ravel no Jacaré. Mas a estrela do final de semana foi sem dúvida o jantar no Roccia Cozinha Contemporânea.

 

A galinha: farinha de milho, ovo e fígado. Um ciclo completo

Instalado no térreo do Hotel Cabo Branco Atlântico, o restaurante do empresário e chef Onildo Rocha (também proprietário da Casa Roccia) impressiona pelo serviço afinado, pelo cuidado com os detalhes e claro, pela comida com leve acento regional e execução precisa.

 

Capeletti in brodo de carne de sol

Fizemos um menu degustação onde o chef, formado em gastronomia pela Anhembi Morumbi e pela escola do Laurent Suaudeau, reinterpretou comidas de sua infância. Como resultado, pratos repletos de sabor e com impressionante acabamento.

 

 O originalmente doce Munguzá (canjica) apareceu em versão salgada e surpreendeu. Foi preparado como um cassoulet francês com carnes e embutidos

 

E viva o resgate do arroz vermelho da Paraíba (na lista dos 25 ingredientes que poderiam entrar em extinção, segundo o Slow Food) aqui servido com lagosta e vieiras grelhadas

 

Galinha caipira à cabidela com um cremoso (e deliciosamente amanteigado) purê de inhame. Até quem não gosta de cabidela vai querer raspar o prato

 

Carne de sol e cebola caramelizada servidas com um reconfortante pirão de leite com queijo manteiga e queijo coalho

 

 O Creme de nata com queijo coalho, coulis de seriguela e sorvete de cachaça com limão siciliano fechou o menu deixando uma saudade do gostinho do sertão.

Mas como a gente adora ler cardápio –como quem lê Caras, rs– descobrimos alguns pratos muito curiosos e tivemos de conferir. Uma beleza, viu?

 

Olha esses Pastéis de limão siciliano (R$ 15): massinha saborosa e quebradiça como a da Yoka, a premiada pastelaria de SP, com recheio de ricota e zest de limão.

 

Canapé de carne (um mini-hambúrguer) coberto com ovo pochê e molho holandês (R$ 18)

 

Vieiras grelhadas com risoto de beterraba (R$ 40)

 

E o prato que mais atiçou a minha curiosidade naquela noite: Gnocchi com massa de vatapá, camarões e um sedoso molho de moqueca (R$ 45). Hoje, ele povoa os meus sonhos famintos

 

Os chefs Onildo Rocha Vagner Carlos (ex-Beco do Bartô de São Paulo), que cuidam da cozinha do restaurante. Vagner é discípulo do chef Laurent Suaudeau –e isso já diz muito, rs.

 

Roccia Cozinha Contemporâneamapinha aqui
Av. Cabo Branco, 4542 – Hotel Cabo Branco Atlântico, João Pessoa – (83) 8827-7480

Comentários

  1. Amostra simplesmente sedutora, Kats. Ao ler a descrição e ver a bela foto do “Gnocchi com massa de vatapá, camarões e…”é possível entender o sucesso do paraibano Roccia; a expressão simpática da dupla de chefs é cativante.

  2. O ambiente e o atendimento também não deixam a desejar. Além de tudo isso, se encontra a beira-mar… Impecável!

  3. Nem precisa comentar, pois o ROCCIA é o melhor Restô de Joçao Pessoa!! Fica a dica!!! Parabens Onildo!!

  4. Comida regional já é boa por si só…E a nordestina não fica atrás. Com essa leitura contemporânea, então…af! Só fome! fome! fome!
    Em tempo: João Pessoa que me aguarde nas férias, depois de Recife, claro! Rs.

  5. Marcelo Tb vou sonhar com o Gnocchi com massa de vatapá, camarões e um sedoso molho de moqueca

  6. Marcelo, também vou sonhar com o Gnocchi com massa de vatapá, camarões e um sedoso molho de moqueca !!!!! Nossa parece Fantasssstico ….

Comments are closed.