Marcelo Katsuki

Comes e Bebes

 -

Formado em arquitetura pela FAU-USP, Marcelo Katsuki é cozinheiro formado pela Escola de Gastronomia João Dória Jr e sommelier pela ABS (Associação Brasileira de Sommeliers).

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Festival do cachorro quente em Osasco

Por Marcelo Katsuki

Hot dog tradicional

Sábado foi dia de conhecer o Festival do Cachorro Quente de Osasco, que acontece no Bicicletário da estação da CMTU. São selecionados 20 participantes que vendem seus sandubas por preços que variam de 2 a 5 reais. O povo chega a fazer fila para comprar seus favoritos e para votar.

 

Os carrinhos ficam enfileirados, duro escolher onde comer. Até Fred e o Homem Aranha estavam lá fazendo campanha

 

Especial x Tradicional

 

O inacreditável Hot dog no prato é o favorito dos comilões. Aprenda a fazer aqui.

 

Cada um se acomoda como pode. Os carrinhos dispõem de poucos bancos, então o jeito é comer andando, para fugir das abelhas (que pelo visto também adoram uma salsicha).

 

Versão light do hot dog no prato: sem purê.

 

Enquanto você degusta os acepipes, rolam shows de música no palco principal.

 

Onde estranhamente, não acontece o concurso do Comilão, que fica escondido entre uma van e a cabine da polícia e que merecia maior visibilidade. Certeza que o povo gostaria de ver os malucos se entupindo de sandubas durante cinco minutos!

 

A vencedora foi a sra. Maria Aparecida, a “dogueira guerreira”, segundo o Marcos Mello, autor dessa foto acima. Comi demais e tive que pegar o trem de volta antes do final do concurso.

 

Mas trouxe uma ideia de fantasia pro Carnaval do ano que vem. Quem curte?

Blogs da Folha