Como fazer biomassa de banana verde

Por Marcelo Katsuki

bio14-bananaverde

Ando ligado em comida funcional, deve ser coisa da idade. E desde que vi uma mulher em um programa de tv falando que curou até uma depressão braba comendo biomassa de banana verde, fiquei intrigado. Deprimida, ela se isolou em uma casa no campo e se entupiu de banana. Ai, que cena triste… Mas não, ela logo ficou boazinha e acabou ganhando fama com esse documentário na tv. Banana rocks!

Recentemente comi um brigadeiro de biomassa num restô funcional e badalado, mas não me lembro do nome (gente, preciso começar a comer biomassa, urgente!). O brigadeiro não estava lá muito atraente: de tão mole, parecia uma sopa. Mas o sabor era ótimo, quase não se percebia a banana. Aliás, uma das utilizações da biomassa de banana é como espessante natural, podendo ser usada no lugar do creme de leite, da maionese e do leite condensado. Daí eu vi vantagem.

Mas chega de encher linguiça e vamos à biomassa. Essa receita é da chef funcional Lidiane Barbosa, que utiliza o produto para preparar bolos, biscoitos, sucos, vitaminas, sorvetes e molhos. Mas hoje vamos aprender a fazer a biomassa –depois eu publicarei algumas receitas.

Segundo a chef, a biomassa contribui para a prevenção do diabetes e ajuda a reduzir o colesterol. Mas tem uma dica importante: não pode ser usada a banana vendida em supermercados pois ela passa por um processo para acelerar seu amadurecimento. Você precisa encomendar na feira, onde algumas barracas de frutas conseguem a banana verde direto com o produtor, sem passar por estufas.

 

bio14-massa2

Receita de biomassa de banana verde

1. Tire as bananas uma a uma do cacho, cuidando para que esse corte seja bem rente para que nenhuma parte interna sofra contaminação no momento do cozimento.
2. Lave uma a uma com água e sabão enxaguando bem.
3. Em uma panela de pressão coloque água até a metade, acenda o fogo e deixe a água ferver.
4. Quando estiver fervendo coloque as bananas. A água precisa estar fervendo, pois, esse choque térmico faz parte do processo.
5. Tampe a panela. A água deve ser suficiente para deixar as bananas cobertas, e quando começar a ouvir o barulho da pressão, abaixe o fogo, conte 8 minutos e desligue. Deixe que a pressão toda saia naturalmente da panela, não acelere o processo abrindo a panela.
6. Destampe a panela e descasque as bananas ainda quentes para facilitar o processo.
7. Bata no liqüidificador. Se necessário, acrescente um pouco de água para formar uma pasta. Está pronta.
A biomassa dura de 3 a 6 meses no congelador. Congele em porções pequenas. Na geladeira o ideal é consumir em até 3 dias. Ah, você pode utilizar qualquer tipo de banana, desde que ela esteja verde.

Em tempo: o X Congresso Internacional de Nutrição Funcional acontecerá em São Paulo nos dias 11, 12 e 13 de setembro, das 8 às 19 h na rua Frei Caneca, 569, 5º andar, Bela Vista. Clique aqui para mais informações.