Faça pipoca caramelada em casa, é fácil e divertido!

Por Marcelo Katsuki

Eu adoro pipoca caramelada, em especial a que acompanha o café ao final das refeições no Miya. Outro dia, o Flávio Miyamura, chef da casa, até me explicou como fazer. Mas sem as medidas exatas, acabei fazendo uma meleca, rs.

Ontem ele me presenteou com um pacote de pipocas e a receita! Até vi onde errei: deixei a calda caramelizar pouco, por isso ficou tudo melado. Agora, com a receita em mãos, ficou fácil! Bora preparar pipoca caramelada no Dia das Crianças? É divertido!

 

miya16-pipoca-vert2

Pipoca caramelada
Chef Flávio Miyamura (restaurante Miya)
Rendimento: 10 porções

Para fazer a pipoca
– 150 g de milho para pipoca
– 50 ml de óleo de canola

Para fazer o caramelo
– 200 g de açúcar
– 100 ml de água
– 01 colher de sopa de glucose de milho
– 01 colher de chá de bicarbonato de sódio

Modo de preparo:
Coloque o óleo em uma panela média e leve ao fogo médio. Adicione o milho para pipoca e tampe a panela. Mexa de vez em quando para que o óleo envolva todos os grãos. Quando começar a estourar, mexa mais uma vez a panela com a tampa fechada e tome cuidado para não queimar. Assim que a quantidade de estouros diminuir, abaixe o fogo e espere até que não haja mais barulho por uns 3 segundos. Abra e retire da panela imediatamente, reserve.

Para fazer o caramelo, coloque o açúcar, a água e a glucose de milho em uma panela, de preferência uma de fundo triplo. Leve ao fogo médio e espere reduzir até a metade sem mexer, para não açucarar. Passado este tempo, abaixe o fogo e preste atenção nas bordas da panela para quando a calda começar a escurecer desligue o fogo, coloque o bicarbonato de sódio e misture. O caramelo vai começar a borbulhar e crescer daí acrescente as pipocas já feitas, misture com cuidado para envolver toda a pipoca e não quebrá-la. Espalhe em uma assadeira e espere esfriar para servir.

Fotos: Marcelo Katsuki/Folhapress