Prestes a completar 70 anos, Bar Brahma renova decoração e cardápio

Por Marcelo Katsuki

O Bar Brahma está repaginado. Da cozinha ao salão, a casa está cheia de novidades. O menu, elaborado por Marcelo Corrêa Bastos do premiado Jiquitaia,  traz criações do chef e resgata alguns clássicos, como o picadinho de filé, que volta como o “Favorito do Cauby” em homenagem ao cantor, fã do prato.

 

A decoração também foi modernizada: sai o tom alaranjado mas ficam os lustres classudos que agora iluminam paredes com textura de cimento, brutalistas, criando um belo contraste. A reforma do Esquina, no anexo, também está quase finalizada.

 

O palco continua lá, no cantinho. Dividindo a cena com enormes painéis que homenageiam o cantor Cauby Peixoto, falecido há um ano.

 

Meu primeiro pedido foi o frango com gengibre (R$ 18), generosa porção de coxa e sobrecoxa desossadas e fritas, com casquinha crocante coberta com molho de cerveja com gengibre e gergelim. Os famosos chips de jiló (R$ 14) que o chef serve no Jiquitaia também estão no cardápio.

 

As caipirinhas (de R$ 21,50 a R$ 31,50) receberam tratamento especial, com ingredientes como melaço de açúcar, água de coco, cravo e gelo frapê. Na foto, Hall do Adoniram, feita com cachaça artesanal, limão siciliano e caju.

 

Um dos “Clássicos do Brahma” recriado pelo chef foi o Bacalhu à Bráz (R$ 42). Lascas de bacalhau salteadas com cebola, tomate, ovo e couve servidas com chips de mandioquinha e arroz. Um prato individual mas que serve até duas pessoas.

 

filé à Osvaldo Aranha (R$ 60) vem servido com molho à base de chopp Brahma Black e alho confitado, arroz com couve e farofa e batata frita.

 

Já que estamos falando de clássicos, prove o gostoso pudim de leite com caramelo (R$ 12 – foto) ou o brigadeiro de colher (R$ 8), outra especialidade do chef.

 

Vista do palco a partir da entrada do bar, de onde é possível admirar a bela decoração.

 

Detalhe do banheiro com pia feita de barris e torneiras de chope.

 

A fachada do bar, na famosa esquina da avenida Ipiranga com a São João. Era dia de Virada Cultural –por isso o separador na calçada– e de muita chuva!

Bar Brahma – mapinha aqui
Avenida São João, 677, Centro – Tel.: (11) 2039-1250
Fotos: Marcelo Katsuki/Folhapress