Chef Daniela Martins apresenta a cozinha paraense em festival no Dalva e Dito

Por Marcelo Katsuki

O restaurante Dalva e Dito trouxe a chef Daniela Martins, do restaurante Lá em Casa, de Belém (PA), para dois dias de almoços e jantares com pratos da rica culinária paraense. O festival termina hoje e é uma ótima oportunidade para conhecer, ou matar a saudade dessa cozinha, uma das mais autênticas do país.

 

couvert do Dalva e Dito

O almoço começa com o caprichado couvert do restaurante, com destaque para os pãezinhos de queijo, quentinhos.

 

Chega o primeiro prato, que traz o pirarucu salgado e desfiado, servido com salada de feijão manteiguinha de Santarém.

 

Na sequência, o filhote, delicioso peixe amazônico, aqui servido em crosta de farinha-d’água com purê rústico de mandioca e uma redução de tucupi que conferia uma gostosa acidez ao prato.

 

O porco, macio, veio com calda de taperebá –fruta também conhecida como cajá– sobre uma crocante farofa preparada com a gordura do porco.

 

Fechando o menu, a castanhada, uma sobremesa similar a uma cocada mas que tem a castanha como ingrediente principal. Foi servida com calda de jambu que causa aquela leve dormência na ponta da língua, característica dessa erva típica da região norte do país.

 

A chef paraense Daniela Martins com os chefs Alex Atala e Elton Junior, do Dalva e Dito.

 

O menu de quatro etapas custa R$ 189 e promove um delicioso passeio pelos sabores da cozinha paraense com direito a alguns toques autorais da chef.

Dalva e Dito – mapinha aqui
R. Padre João Manuel, 1.115, Jardins – Telefone: (11) 3068-4444
Fotos: Marcelo Katsuki/Folhapress